Viagem de sonho

Amava, aliás mais do que isso, ir a New York. A cidade que nunca dorme, a Big Apple, a cidade onde todos os sonhos são possíveis.

Também não é novidade para quem segue o blog desde os primórdios, que era capaz de dar (quase) tudo para ter um bilhete só de ida para a cidade. E porquê?

Por isto.

 1. As pessoas dizem-te constantemente o quanto a cidade é inacessível. E estão certos, mas tu estás disposta a viver até num sapato.


 2. Todos sentem a necessidade de te informar que o mercado de trabalho é assustadoramente competitivo. Como no resto da América.

 3. A tua mãe está constantemente preocupada que ao mudares-te para New York sejas assassinada. E tu tiras um curso de defesa-pessoal e adotas um Rottweiler.

 4. Quando as pessoas te dizem que há baratas em todo o lado e ratos do tamanho dos teus pés, és tipo "Tudo bem, eu vou viver com isso". É um pequeno preço a pagar para viver na melhor cidade do mundo.

 5. Quando estás presa atrás de uma pessoa que anda lentamente, tu pensas "Isto nunca aconteceria em New York". Apressem-se. 

 6. Quando as pessoas te dizem para relaxares e tu pensas "Eu sou calma, para os padrões de New York".

 7. Já aperfeiçoaste a técnica para chamar o táxi. E não podes esperar para nunca mais gastares dinheiro em combustível.

 8. Já terminaste uma relação, porque ele "não se via a viver em New York". Desculpa, querido, isto não vai resultar.

 9. E quando te mudas para uma cidade que não é New York - por trabalho, namorado, ou outra razão - pensas "Espera, o que é que eu estou a fazer?". 

 10. Sonhas em ser apertada por estranhos suados no metro, porque isso significa que fazes realmente parte da cidade.

 11. Estás preparada para a luta, a agitação e as chances quase impossíveis.

 12. Procuras constantemente anúncios do apartamento dos teus sonhos no Craigslist. E descobres que não vais conseguir ter um estúdio destes nem aos 40.

 13. Que seja Sinatra, Jay Z ou LCD, há sempre uma música de NY que te mantém o foco.

 14. Sonhas em vestir o que queres sem ninguém olhar para ti duas vezes.

 15. É impossível veres o filme Manhattan sem questionares toda a tua existência. Esquece o Woody Allen, New York é a estrela do filme.

 16. Fantasias em caminhar pela cidade ao entardecer.

 17. Sabes que as pessoas que vivem em qualquer outro lugar só podem estar a brincar. Incluindo tu própria.

 18. Todos dizem que vai ser mais difícil do que pensas, mas tu sabes que "isso é exatamente o que queres".
   Chamem-me tola, masoquista, o que seja. Apenas me chamem nova-iorquina.

 19. Na tua cabeça, não há alternativa. Nunca houve.

 20. Sonhas com os rooftops em Brooklyn, com vista sobre a cidade.

 21. Quando os teus amigos que acabaram de que mudar para NY começam a reclamar, tu pensas,  "o que é que estavam à espera?".

 22. Estás convencida de que a única cura para a tua inquietação perpétua é a cidade mais agitada da terra.

 23. Não há lugar na terra - nenhuma outra cidade, outra paisagem, nada - mais bonito que o skyline de New York. Mesmo que apenas o tenhas visto num poster colado no teu quarto.

 24. Quando tiveres uma escala de vôo em Newark ou JFK, tens que te esforçar para não apanhares um táxi para a cidade.

 25. Sabes que tens que te mudar para New York desde os 12, ou até mesmo enquanto ainda estavas no útero. Cada passo que dás é apenas mais um para o teu caminho até NY.

 26. Já tens traçado o teu percurso de jogging no Central Park. Mesmo que o faças só um dia.

 27. E já escolheste entre os Yankees e os Mets. Mesmo que não entendas nada deste desporto.

 28. Já fizeste os cálculos e sabes que assim que te mudares para NY, haverão dias, semanas e anos em que a única coisa que vais ter é a cidade em si.

 29. Sabes que NY é suja, cara e cheia de pessoas que não se importam contigo nem com os teus sonhos.

 30. Sabes que NY te vai pontapear, empurrar-te para o chão e dizer-te que não és o único.

 31. Sabes que no fundo, New York não quer saber de ti para nada.

 32. Mas é por isso que sabes que é exatamente aqui que pertences.

Retirado do blog Portuguese Girl With American Dreams (original aqui)

5 comentários:

  1. Os sonhos são bons e é bom ter algo por que se lutar. É importante nunca perder os pés do chão e só se dar os saltos de fé quando realmente é possível e estar-se informada. Acho terrível esses comentários de "mata" sonhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Normalmente esses comentários "mata" sonhos, como disseste, só nos fazem acreditar ainda mais que é possível e ir à luta. Afinal, um dia teremos que deixar de sonhar e fazer alguma coisa para que se tornem realidade.

      Eliminar
  2. Quando referiste as pessoas lentas à tua frente que embaraçam o "trânsito" todo só me apeteceu dizer - EXACTO, então em hora de ponta, bheck
    Beijinho
    http://adonadasushi.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Amei este post da Diana do blog Portuguese Girl with American Dreams. Adoro o blog dela sempre algo interessante por la. Partilhas te com ela esta publicacao, acho que ela tambem ia gostar de ver o post dela aqui. :) so uma pequena suggestao se fosse eu que tivesse feito o teu post punha no fim os creditos em letras um pouco maiores assim para quem ainda nao conhece o blog da Diana vai ate la. So uma pequena suggestao. :)
    ah e nao desistas nunca dos teus sonhos!!!
    Beijinho de Toronto
    claudiapersi.blogspot.ca

    ResponderEliminar
  4. Vivo relativamente perto de NY mas ainda não tive o prazer de lá ir

    ResponderEliminar