Paris, França | Cathédrale Notre Dame de Paris

Segunda paragem: Catedral de Notre Dame.

A Catedral de Notre-Dame, em português, de Nossa Senhora, está situada na praça Parvis, na Île de la Cité, uma pequena ilha no meio do rio Sena. É uma das mais antigas catedrais de estilo gótico de Paris e a sua construção teve início no ano de 1163, sendo dedicada a Maria, a mãe de Jesus, daí o seu nome.

Exteriormente, o edifício é surpreendente, especialmente os três portais da fachada que contêm muitas figuras e detalhes. Por dentro é mágico. A visita pode ser dividida em duas partes, o interior da catedral que em muito se assemelha à igreja do Mosteiro dos Jerónimos em Lisboa, com entrada gratuita, e as torres de Notre-Dame.

A subida às torres faz-se através de 386 apertados degraus mas vale tanto a pena. Na minha opinião é ali que temos uma das melhores vistas sobre grande parte da cidade, incluindo a Torre Eiffel.

A deslocação entre o Museu do Louvre e a Catedral de Notre-Dame foi feita a pé, assim como grande parte da nossa visita, pela margem do rio Sena, pelo que tivemos a oportunidade, e graças à minha insistente procura, de passar pela famosa ponte dos cadeados. Deixem-me dizer-vos que, embora já tenham retirado grande parte dos cadeados como foi noticiado há uns tempos, ainda estão lá tantos, mas tantos e em tão pouco espaço... É impressionante! Há cadeados de todas as formas e feitios, de todas as cores, com tantos nomes... Nós, por outro lado, não deixámos lá o nosso com um propósito, com a promessa de que ficaria para uma segunda visita a Paris. Clichê, eu sei.


Fachada da Catedral de Notre-Dame
Interior da Catedral
Interior da Catedral de Notre-Dame
Maquete da Catedral em exposição no interior desta
Pela margem do Rio Sena
Ponte dos Cadeados

1 comentário: