Cumprir o dever


Em dia de eleições autárquicas é triste perceber que a abstenção vai voltar a ganhar a nível nacional. É triste porque as pessoas que nem estão dispostas a votar estão a deitar fora a arma mais poderosa que nós, enquanto povo, temos de mudar o rumo da nossa freguesia e concelho, neste caso.

Quem não o faz, quem não usufrui do seu direito nem cumpre o seu dever, não se pode queixar que nada muda, que estão sempre os mesmos à frente , que fizeram pouco ou nada e o que fizeram foi mal feito. Com que legitimidade podem criticar o quer que seja?

No passado, travou-se uma enorme batalha para que hoje todos pudéssemos ir às urnas, muitos perderam a vida por isso. Não vamos desperdiçar a poderosa oportunidade que nos foi dada. Votem!

Sem comentários:

Enviar um comentário